“Imagination is more important than knowledge.
Knowledge is limited. Imagination encircles the world.” A. Einstein

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Face Oculta (dos jornalistas inclusivé)

Atente-se a esta notícia do jornal I, acerca uma notícia do jornal Sol, acerca de um processo acerca de.....

Título da notícia:
Face Oculta: suspeitos terão sido avisados das escutas

Corpo da notícia:
Os arguidos do caso Face Oculta podem ter sido avisados das escutas telefónicas, informa o jornal “Sol”. O jornal levanta esta suspeita porque a partir de 25 de Junho, quando a polémica do negócio entre a PT e a TVI estava no auge e se desconfiava de um fuga de informação, alguns dos actuais arguidos deixaram de usar os seus telemóveis habituais. Alguns dos arguidos em causa são Armando Vara e o empresário Manuel Godinho.
Contudo, a Polícia Judiciária descobriu os novos contactos dos suspeitos e terá restabelecido as escutas, as quais se prolongaram – no mínimo - durante mais dois meses, diz o “Sol”. Estes novos telemóveis dos arguidos não teriam assinatura , ou seja, só se podem localizar se os carregamentos forem efectuados com cartões de crédito.


Atente-se agora ao primeiro ponto do código deontológico dos jornalistas


1.O jornalista deve relatar os factos com rigor e exactidão e interpretá-los com honestidade. Os factos devem ser comprovados, ouvindo as partes com interesses atendíveis no caso. A distinção entre notícia e opinião deve ficar bem clara aos olhos do público.

Exemplos destes há aos montes, todos os dias, em todos os jornais. Os nossos políticos são maus, os nossos magistrados são maus, os nossos administradores públicos são maus, os nossos advogados são maus. Sim, são todos maus, mas não nos esqueçamos que os nossos jornalistas não são melhores!


Sem comentários: